Vilmar Mariano faz a primeira reunião do Comitê Permanente de Desburocratização

O prefeito de Aparecida de Goiânia, Vilmar Mariano, liderou a primeira reunião de trabalho do Comitê Permanente de Desburocratização (CPD) na sede da Associação Comercial e Industrial de Aparecida de Goiânia (Aciag).

Da Redação
19/05/2022 - 09:30
  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Linkedin
  • Compartilhe no Telegram
  • Compartilhe no WhatsApp

Vilmar Mariano faz a primeira reunião do Comitê Permanente de Desburocratização

O prefeito de Aparecida de Goiânia, Vilmar Mariano, liderou a primeira reunião de trabalho do Comitê Permanente de Desburocratização (CPD) na sede da Associação Comercial e Industrial de Aparecida de Goiânia (Aciag).

Objetivo do grupo, que foi criado em março, é agilizar legalmente procedimentos que possam favorecer o empreendedorismo na cidade e, sobretudo, fomentar a manutenção e geração de novos postos de trabalho.

Integram o CPD 14 entidades, entre secretarias municipais, associações comerciais e conselhos regionais. Na primeira reunião do comitê, o prefeito de Aparecida de Goiânia, Vilmar Mariano, enfatizou a importância do grupo.

“Nossa cidade se destaca no cenário regional e nacional pela geração de empregos. A administração não medirá esforços, através de políticas públicas, para que possamos continuar atraindo investidores. Com a implantação do comitê, estreitamos ainda mais os laços com o setor produtivo. Essa união entre prefeitura, entidades representativas e empresários vai fortalecer o crescimento industrial de Aparecida que já é gigantesco”, destacou o prefeito Vilmar Mariano durante o encontro.

Aparecida de Goiânia

Aparecida se destaca no cenário nacional pela geração de empregos; cidade possui mais de 68 mil CNPJs ativos (Foto: Arquivo/Secom)

Secretário da Companhia de Desenvolvimento de Aparecida de Goiânia (Codap), Luiz Maronezi, classifica a criação do CPD “como um marco na história da cidade”. Ele lembra que a iniciativa partiu da administração municipal. “A criação do comitê foi idealizada pelo ex-prefeito Gustavo Mendanha, que se colocou à disposição da Aciag para que o grupo fosse criado para encontrar soluções legais para o setor empresarial”, recordou.

 

Maronezi lembra que o Projeto Cidade Inteligente implantado nos últimos anos em Aparecida será ferramenta importante para o sucesso do Comitê Permanente de Desburocratização. “Vamos tentar resolver questões como, por exemplo, a liberação de alvarás, certidões, licenças ambientas e outros. Uma cidade inteligente tem que ser inteligente na totalidade”, apontou.

Empresário local e presidente da Aciag, Leopoldo Moreira, comemorou o resultado da primeira reunião do CPD. “A criação do comitê e a primeira reunião foram bem aceitos. Os empresários entenderam o objetivo real da iniciativa e abraçaram a ideia”. Ele destacou ainda que a intenção é identificar problemas e soluções para o setor produtivo. “O objetivo é discutir os problemas e melhorar o ambiente de negócios empresariais em Aparecida de Goiânia”, reforçou.

Aparecida de Goiânia

Representantes de várias entidades representativas participaram da primeira reunião do CPD (Foto: Divulgação/Aciag)

Leopoldo, que é o presidente do comitê, garante que a iniciativa já desperta interesse de várias instituições e até de outras cidades goianas. “Somos procurados por muitas associações de vários municípios que querem saber como funciona; eles querem implantar a iniciativa”, concluiu.

Participação

Compõem o Comitê Permanente de Desburocratização as secretarias municipais da Fazenda, Planejamento e Regulação Urbana, Desenvolvimento Econômico, Saúde, Meio Ambiente, a Companhia de Desenvolvimento de Aparecida de Goiânia e a Procuradoria-Geral do Município; Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-GO); Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon); Conselho Regional de Administração (CRA-GO); Conselho Regional de Contabilidade (CRC-GO); Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA-GO); Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae); Distrito Agroindustrial de Aparecida de Goiânia (Daiag); Distrito Industrial do Município de Aparecida de Goiânia (Dimag); Associação do Polo Empresarial Goiás; Associação do Parque Industrial Vice-Presidente José de Alencar e Câmara Municipal.

Destaque

Aparecida de Goiânia se consolida no cenário nacional como uma das maiores geradoras de emprego no Brasil. Atualmente, segundo dados da Aciag, mais de 68 mil CNPJs estão ativos no município. No primeiro trimestre deste ano, Aparecida liderou a geração de empregos no Centro-Oeste brasileiro. Indústria, logística e o comércio são os setores que mais empregam na cidade, multiplicando a arrecadação municipal, os postos de trabalho e consequentemente contribuindo para melhor qualidade de vida da população.

Aparecida de Goiânia

Comércio aquecido colabora com geração de empregos em Aparecida de Goiânia (Foto: Claudivino Antunes)