Vila Nova vence e impede Vasco de assumir liderança da Série B

0
30

Se somasse ao menos um ponto, clube carioca ultrapassaria o Ceará. Já equipe goiana segue na lanterna, apesar da vitória

vilaLanterna da Série B, o Vila Nova surpreendeu o Vasco e venceu por 2 a 1 nesta terça-feira, em Brasília. Com o resultado, o clube carioca perdeu a chance de assumir a liderança da competição. Se somasse ao menos um ponto, ultrapassaria o Ceará, que foi derrotado pelo ABC. Já a equipe goiana conquistou seu segundo triunfo seguido, mas segue na última colocação, com apenas 11 pontos.

O Vila Nova soube aproveitar as chances para abrir vantagem. Primeiro, Jheimy aproveitou bola batida na pequena área e fazer o primeiro gol dos donos da casa. Depois, Junior Xuxa marcou após cruzamento rasteiro de Leo Rodrigues. O Vasco descontou ainda na etapa inicial, com Carlos Cesar. No segundo tempo, os cariocas buscaram o empate, mas pararam na retranca goiana.

Na próxima rodada, o Vasco vai até o interior cearense para encarar o Icasa, na sexta-feira. No dia seguinte, o Vila Nova terá pela frente o ABC, em Natal.

O jogo

Empurrado pela torcida, maioria no estádio Mané Garrincha, o Vasco tentou controlar a partida desde os primeiros minutos. No entanto, na primeira oportunidade, o Vila Nova abriu o placar, aos sete minutos. Christiano passou por Carlos Cesar e arriscou de longe. O goleiro Diogo Silva rebateu para frente, Paulinho finalizou na trave, mas a bola veio no pé de Jheimy, que só tocou para a rede.

O revés fez o Vasco buscar o ataque com mais vontade, mas a equipe carioca tinha dificuldade em penetrar na marcação goiana. Com isso, os cruzmaltinos tentavam as bolas levantadas, mas sem perigo para o goleiro Cleber. Os goianos avançavam somente nos contra-ataques e criavam melhores lances. Radamés arriscou de longe aos 23 minutos e viu Diogo Silva espalmar para longe da área.

A primeira boa chance dos visitantes aconteceu somente aos 31 minutos. Após cruzamento de Marlon, Douglas Silva cabeceou com força, mas Cleber estava atento para salvar o Vila Nova. No entanto, quando os cruzmaltinos eram melhores em campo, a equipe sofreu novo revés, aos 41 minutos. Leo Rodrigues aparece livre pela direita e cruzou para Junior Xuxa chutar cruzado, sem chance para Diogo Silva.

Nos minutos finais, o confronto ficou equilibrado, pois o Vila Nova passou a atacar com mais intensidade. Com espaço na frente, o Vasco conseguiu diminuir a desvantagem já nos acréscimos. Carlos Cesar recebeu passe na área e chutou cruzado. A bola bateu na zaga goiana e foi para a rede.

No segundo tempo, o Vasco voltou com mais vontade em busca do empate. Só que os cariocas seguiam com dificuldade em passar pela marcação e insistiam nas jogadas aéreas. A única boa chance veio pelo chão, com Edmílson, mas o atacante finalizou fraco, para fácil defesa de Cleber. O Vila Nova tentava encaixar um bom contra-ataque e o quando o teve, Jheimy chutou para defesa segura de Diogo Silva.

Com o passar do tempo, os cruzmaltinos se lançavam ao ataque e davam espaço no defesa. Com isso, o Vila Nova passou a criar boas chances de sacramentar a vitória. Só que aos 31 minutos, após cobrança de escanteio, Rafael Silva escorou, mas a bola sobre o travessão de Cleber.

Nos minutos finais, o Vasco foi com tudo para cima, mas pouco produziu até o apito final. A defesa goiana soube impedir a criação de boas jogadas e saiu de campo com os três pontos.

IG