UPA Brasicon passará por reforma

0
454

O Secretário de Saúde de Aparecida de Goiânia, Edgar Tolini, informa que a Unidade de Pronto Atendimento 24 horas do setor Brasicon passará por uma reforma nos próximos dias. A data oficial do início da obra ainda não foi definida, porque depende da inauguração da UPA do Parque Flamboyant e da entrega das Unidades Básicas de Saúde dos setores Santo André, Rosa dos Ventos e Chácara São Pedro (unidades próximas a UPA). As quatro unidades estão prontas e sendo equipadas para dar suporte à população no período de reforma da UPA Brasicon.

Além disso, os aparecidenses também contarão com as unidades de urgência e emergência já existentes no município que são a UPA Buriti Sereno, Cais Nova Era e Cais Colina Azul. A reforma da UPA Brasicon durará cerca de 60 a 120 dias e não poderá ser feita em etapas para não oferecer risco à saúde dos pacientes. “Imagine uma criança com insuficiência respiratória recebendo atendimento em um ambiente com poeira e tinta. Isso pode prejudicar o quadro clínico do paciente”, exemplifica Edgar Tolini.

A UPA do setor Brasicon foi inaugurada em maio de 2012, ou seja, completará cinco anos de funcionamento este ano e por isso a necessidade de um a reforma. Atualmente a unidade atende uma média de 300 pacientes por dia. Diferentemente do que foi divulgado por fontes não oficiais, a reforma não será somente na parte externa da unidade. Segundo o departamento de Engenharia e Arquitetura da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) a reforma será nas áreas interna e externa da unidade, contemplando, dentre outros, a parte hidrossanitária, parte elétrica, as instalações dos aparelhos de ar condicionado, cobertura da unidade, revestimento do piso e infiltrações crônicas no teto e nas paredes.

O secretário de Saúde faz questão de destacar que tudo será feito com planejamento, logística e comunicação para não prejudicar a população. “Estamos reorganizando os fluxos de atendimento, portanto a população não ficará desassistida. Quando definirmos a data oficial do início da reforma, vamos divulgar para a população, por meio dos vereadores e veículos de comunicação, para explicar quais unidades darão suporte e alternativas de atendimento”, salienta Tolini.

A reforma está orçada em aproximadamente R$ 253 mil. Durante a obra, uma base descentralizada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ficará disponível na UPA Brasicon para informar e atender a população, que por algum motivo não tenha tomado conhecimento da reforma, em casos de urgência e emergência.

Diálogo com poder legislativo e a população

Por entender que os vereadores de Aparecida são representantes do povo, o secretário de Saúde Edgar Tollini recebeu na manhã da última segunda-feira (13), o presidente da Câmara Vilmarzin (PMDB) e os vereadores Rosildo (PP) e Hilário Giacomet (PSB) na sede da SMS. Durante o encontro, o secretário esclareceu pontos importantes sobre a reforma da UPA Brasicon e tranquilizou os parlamentares, que estavam preocupados com a população aparecidense.

Ainda na ocasião, Edgar Tolini se colocou à disposição dos vereadores para a realização de uma audiência pública na Câmara com a presença da comunidade, líderes de bairro e representantes do Ministério Público. O objetivo é explanar os detalhes da reforma e esclarecer possíveis questionamentos.