Destaque

Sonda chinesa faz pouso suave no lado oculto da Lua

A Long March-3B rocket carrying Chang'e 4 lunar probe takes off from the Xichang Satellite Launch Center in Sichuan province, China December 8, 2018. REUTERS/Stringer ATTENTION EDITORS - THIS IMAGE WAS PROVIDED BY A THIRD PARTY. CHINA OUT.

A sonda realizará tarefas de observação astronômica de rádio de baixa frequência

A sonda chinesa Chang’e-4 aterrissou no lado escuro da Lua nessa quinta-feira (2), tornando-se a primeira nave espacial a fazer pouso suave no lado inexplorado do satélite, jamais visível a partir da Terra.

Integrada por um pousador e um veículo explorador, a sonda desceu na área pré-selecionada no lado escuro da Lua às 10h26 (hora de Pequim),anunciou a Administração Nacional Aeroespacial da China.

O foguete Long March-3B, que transporta a sonda, decolou do Centro de Lançamento de Satélites de Xichang, na província de Sichuan, no último dia 8.

A missão realizará tarefas de observação astronômica de rádio de baixa frequência, análise de terreno e relevo, detecção de composição mineral e estrutura da superfície lunar e medição da radiação de nêutrons e átomos neutros para estudar o meio ambiente.

Comentar

Clique aqui para comentar

Deixe uma resposta

Denuncias e Informações? Chat via WhatsApp
%d blogueiros gostam disto:
/* ]]> */