Secretaria de Cultura debate Lei Aldir Blanc com artistas aparecidenses

Da Redação
23/06/2021 - 06:16
  • Compartilhe no Facebook
  • Compartilhe no Twitter
  • Compartilhe no Linkedin
  • Compartilhe no Telegram
  • Compartilhe no WhatsApp

Secretaria de Cultura debate Lei Aldir Blanc com artistas aparecidenses

A Secretaria Municipal de Cultura promoveu reunião com um grupo de produtores culturais locais para discutir diversos assuntos relacionados ao setor. Entre eles, a Lei Aldir Blanc e eleição do Conselho Municipal de Cultura.

Sobre a Lei Aldir Blanc, que prevê o pagamento de auxílio emergencial a artistas, produtores, técnicos e espaços culturais como forma de auxiliar um dos setores mais afetados pela pandemia do coronavírus, o secretário de Cultura, Avelino Matinho, pontuou que a pasta trabalha para auxiliar os profissionais da área.  

Durante o encontro, o secretário anunciou que será realizada em Aparecida entre 17 e 19 de setembro a Conferência Municipal de Cultura juntamente com a eleição do Conselho Municipal de Cultura.

“Estamos de portas abertas para tratar quaisquer assuntos referentes à nossa pasta. Precisamos da ajuda de todos, seja fazedor de cultura, gestores e vereadores, para avançarmos na construção e consolidação, de fato, do CPF (Conselho, Plano e Fundo) da política pública de cultura de nossa Cidade”, afirmou Avelino Marinho.

Ficou ainda estabelecido que Associação Quilombolas de Aparecida receberá oficialmente e provavelmente em comodato o Centro de Cultura e Convivência. Para dinamizar o processo, por sugestão do secretário municipal de Habitação, Willian Panda, a Coordenação da Igualdade Racial auxiliará a Comunidade Quilombolas na condução burocrática das necessidades junto à Secretaria de Cultura e demais órgãos da prefeitura.

A reunião contou com a presença de representantes da Comunidade Quilombola, ativistas, do vereador Orlanes Maranhão e do superintendente municipal de cultura , Weyder Moreira.