Saúde realiza ação no Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais

Em alusão ao Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais, comemorado no dia 28 de julho, será realizada neste dia a Campanha de Prevenção às Hepatites Virais. O evento será realizado das 9h às 16h em diversos pontos da cidade, pela Secretaria Municipal de Saúde de Aparecida de Goiânia, por meio da Coordenação Municipal do Programa de DST/Aids e Hepatites. A abertura da Campanha será na Praça da Matriz no Centro de Aparecida, às 9h.

O tema da campanha deste ano será: Hepatite é uma doença silenciosa. Vacine-se. Faça o teste., e terá como objetivo principal orientar a população e intensificar a vacinação em pessoas de 0 a 49 anos, além de vacinar o grupo de maior vulnerabilidade e contra a Hepatite C. Nos postos da SMS terão folders orientando a população sobre a doença e diagnóstico precoce com os testes rápidos.

Fazem parte do grupo de vulnerabilidade: gestantes após três meses de gestação, trabalhadores da saúde, bombeiros, policiais, manicures e pedicures, população indígena, doadores de sangue, gays, lésbicas, travestis e transsexuais, profissionais do sexo, usuários de drogas, portadores de DST´s, coletadores de lixo hospitalar e domiciliar, presos e carcereiros.

Durante todo o dia serão disponibilizados testes rápidos para triagem de Hepatite B e C na Praça da Matriz e vacinação para Hepatite B em todos os Cais, Postos de Saúde e Estratégia da Família e nos postos volantes nos seguintes locais: Supermercado Bretas do Buriti Shopping; Praça da Matriz; Restaurante Cidadão no Garavelo; SAC do Centro e Posto do Cartão SUS também no Centro.

Todas as unidades de saúde fornecerão material educativo e preservativos.

A doença – A Hepatite é uma inflamação no fígado e que pode resultar desde uma simples alteração laboratorial, até a doença na forma aguda ou fulminante. E pode ser causada por vírus, uso de alguns medicamentos, álcool e outras drogas. Geralmente sintomas como cansaço, tontura, enjôo, vômito, febre, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras, podem aparecer de um a seis meses após a infecção.

A prevenção da doença está intimamente ligada à adoção de medidas preventivas fáceis e baratas como a vacina contra a Hepatite B, onde é necessária a realização das três doses para conferir a imunidade; uso da camisinha em todas as relações sexuais; não compartilhar materiais de uso pessoal; em caso de gestantes a realização do pré-natal no início da gestação é importante para o diagnóstico precoce para que não aconteça a transmissão vertical.

A vacinação contra a Hepatite B é gratuita e está disponível em todas as unidades de saúde que possuem sala de vacina. Podem ser vacinadas pessoas de 0 a 49 anos ou que estejam dentro do grupo de maior vulnerabilidade, em qualquer época do ano. E para fazer efeito é necessário que a pessoa tome as três doses da vacina.

SecomAp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock Detected

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios