Rede internacional de supermercados fecha lojas e diz sentir crise no Brasil

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

Walmart encerra operações em 25 unidades espalhadas no país. Goiás não sofre impacto

O Walmart confirmou o fechamento de 25 lojas no Brasil, alegando queda de 21% no lucro, em razão de encargos trabalhistas e queda dos ganhos de operações internacionais. Segundo a companhia, passivos fiscais trabalhistas no Brasil afetaram o seu lucro trimestral em 0,06 dólar por ação, ao passo que contingências de funcionários tiveram um peso de 0,05 dólar por papel. “O Walmart Brasil tem experimentado um aumento significativo das reivindicações trabalhistas nos últimos anos, como resultado dos esforços da empresa para melhorar a produtividade e reduzir custos”, afirmou a varejista, em comunicado.

O fechamento das lojas no Brasil também impactou os resultados, disse o Walmart, lembrando que no período foram encerradas outras 29 lojas na China. O plano do fechamento de lojas foi anunciado em outubro pela companhia. Segundo o Walmart Brasil, as unidades fechadas eram principalmente lojas de pequeno e médio porte e de baixo desempenho. A operação em Goiás não sofrerá impacto.

Atualmente, a companhia possui no Brasil 540 unidades de 9 bandeiras diferentes (Walmart, Hiper Bompreço e BIG), supermercados (Bompreço, Nacional e Mercadorama), atacado (Maxxi), clube de compras  (Sam’s) e lojas de vizinhança (Todo Dia).

Opopular

Notícia postada em  

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e nosso Termos de Uso, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.