Aparecida de Goiânia, quarta-feira, 22 de setembro de 2021
Olimpíadas

Rebeca Andrade ganha a 1ª medalha da ginástica feminina brasileira

Redação
29 de julho de 2021

Rebeca Andrade revoluciona a Ginástica Artística brasileira com uma conquista histórica e marca o seu nome de vez na história do esporte olímpico brasileiro.

Rebeca Andrade, 22, conquistou a medalha de prata no individual geral da Ginástica Artística nas Olimpíadas de Tóquio. Competindo na final com outras 15 ginastas, a brasileira teve notas altas: 15.300 no salto sobre a mesa, 14.666 nas barras assimétricas, 13.666 na trave e 13.666 no solo, contando com a sua já famosa performance de "Baile de Favela".

A medalha de ouro ficou com Sunisa Lee, dos Estados Unidos, enquanto o bronze ficou com Angelina Melnikova, do Comitê Olímpico Russo.

Rebeca Andrade

Rebeca iniciou os treinos aos 4 anos no Ginásio Bonifácio Cardoso. A mãe da ginasta, Rosa Rodrigues, de 51 anos, contou que a filha, "desde pequena sempre foi muito travessa, tudo que ela fazia era pulando, ela levava muito jeito para a coisa, mas eu não tinha muita noção de como funciona as coisas, onde tinha ginásio".

Quem descobriu Rebeca foi Mônica Barroso dos Anjos, técnica da equipe de ginástica de Guarulhos e árbitra internacional. Mônica treinou a jovem por um ano e meio. Depois levou a esportista para competições representando Guarulhos, como o estadual, o brasileiro e um interclubes em Cuba, em 2009

Com informações do COB, Brasil247 e agências

DENÚNCIA DE IRREGULARIDADES?

envie um email para

[email protected]

2005 - 2021
magnifiercross linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram