Quais as diferenças entre agricultura tradicional e moderna?

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

Principal responsável pelo desenvolvimento da sociedade moderna, a agricultura é uma atividade essencial para a vida humana e que movimenta muitos recursos naturais e financeiros em todo o mundo. Atualmente, a agricultura conta com tecnologia de ponta e equipamentos de grande porte, capazes de realizar as atividades de centenas de trabalhadores em menor tempo. Porém, nem sempre foi assim.

Agricultura tradicional e agricultura moderna

A agricultura tradicional, também chamada de agricultura de subsistência, é praticada há milhares de anos e foi a atividade responsável por garantir alimento à maioria das civilizações. De camponeses europeus a comunidades indígenas da América, diversas sociedades primitivas desenvolviam o trabalho no campo sem a ajuda de maquinário.

Na agricultura tradicional o uso de recursos naturais era mais controlado e consciente, uma vez que toda a produção dependia exclusivamente dos recursos “oferecidos” pela natureza. Além disso, a agricultura tradicional não utilizava agrotóxicos, equipamentos e outros itens modernos que impulsionam a agricultura hoje. Do ponto de vista da preservação ambiental, este é um modelo de agricultura mais sustentável.

A agricultura moderna, por sua vez, conta com o apoio da tecnologia para acelerar os resultados e garantir maior lucro por meio de processos que envolvem realização de estudo de terreno, técnicas modernas de plantio e colheita e controle de pragas com aplicação de agrotóxicos.

Em geral, os alimentos produzidos pela agricultura moderna são maiores, mais vistosos e mais abundantes. Tratam-se, porém, de itens menos saudáveis — especialmente quando comparados aos produtos que crescem sem a aplicação de substâncias químicas.

Historicamente, a agricultura passou a se modernizar somente após a consolidação da revolução industrial, nos séculos XVIII e XIX. O motivo é simples: máquinas foram criadas para acelerar o trabalho no campo e muita riqueza foi gerada, permitindo a comercialização de alimentos em larga escala.

FragMaq

Notícia postada em  

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e nosso Termos de Uso, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.