PRF suspeita que caminhão causou acidente com sete mortes na BR-452

0
52

acidenteA Polícia Rodoviária Federal (PRF) suspeita que um caminhão causou a colisão entre dois veículos Fiat Uno na BR-452, em Rio Verde, no sudoeste goiano. Sete pessoas, sendo cinco da mesma família, morreram no acidente, que ocorreu sábado (16).

“Caminhoneiros relataram a participação de uma carreta que se evadiu. No local não há vestígios de outra colisão, mas pode ter ocorrido uma fechada, uma ultrapassagem. Peritos do Instituto Médico Legal vão investigar”, disse ao G1 o agente da PRF Leovaldo Silva Fernandes.

Por enquanto, segundo a polícia, a colisão foi provocada pela condutora, de 30 anos, do veículo que saiu de São Paulo em direção a Montividiu, no sudoeste de Goiás. “Acredita-se que a moça perdeu o controle da direção do veículo, invadiu a pista contrária e colidiu transversalmente contra o outro Fiat Uno, ou seja, bateu a frente na lateral do outro carro”, explicou o inspetor da PRF Newton de Moraes.

[saiba_mais]

Após a batida, os carros foram parar em um córrego às margens da rodovia. “Dois corpos foram encontrados fora do carro. Os outros cinco precisaram ser retirados das ferragens pelo Corpo de Bombeiros”, explicou Fernandes.

Todos os passageiros dos automóveis morreram. No veículo de São Paulo estavam um casal de idosos, de 73 e 68 anos, duas filhas deles, de 42 e 48 anos, além da neta, que conduzia o automóvel.

Já no outro Fiat Uno, que saiu de Rio Verde em direção a Patrocínio, em Minas Gerais, havia um casal de 39 e 38 anos. De acordo com a polícia, eles seguiam para o velório do pai do motorista na cidade mineira.

O IML de Rio Verde informou ao G1 nesta segunda-feira que todos os corpos foram liberados. Entretanto, não soube dizer para quais cidades eles foram encaminhados.

G1