Polícia prende quadrilha suspeita de execução de traficante rival

Com os suspeitos foram apreendidas armas, drogas e balança de precisão

A Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios (DIH) deu cumprimento hoje (27 de março) ao mandado de prisão cautelar contra três investigados: Thiago Caldeira Guimarães, vulgo “Gaguinho”; Fábio Domingos da Silva, vulgo “Cabeção” e David Rodrigues da Costa. Eles são suspeitos de envolvimento no homicídio de João Paulo Rodrigues da Silva, conhecido como “Pombo”, ocorrido no dia 25 de janeiro deste ano, na Avenida Pampulha, esquina com a Rua São Paulo, Setor Urias Magalhães, em Goiânia.

Foi apurado que a vítima era traficante de drogas e fazia parte de uma associação criminosa que atuava naquela região. A Polícia ainda verificou que na localidade há uma outra associação criminosa atuando também no comércio de entorpecente, a qual é chefiada pelo preso Thiago e tem ainda como integrante os investigados Fábio e David.

Em razão de disputa pelos pontos de tráfico da região, a vítima e outros membros de sua quadrilha, nos últimos meses, assassinaram diversos integrantes da quadrilha composta pelos investigados, entre eles, Erivaldo Ferreira da Rocha, que é irmão de outro chefe do grupo criminoso, e que teve sua cabeça cortada e jogada nas proximidades de um shopping center, na capital, no início do mês de janeiro.

Como forma de vingar a morte de seus integrantes, bem como para obter a hegemonia do tráfico de drogas naquela localidade, Thiago, Fábio e David mataram João Paulo Rodrigues a tiros.
Durante a prisão de Thiago, a equipe da DIH encontrou em sua residência aproximadamente dois quilos de crack, materiais usados para embalar drogas e uma pistola calibre 9 mm, da marca Bersa, com a numeração suprimida.

Foi preso ainda Dalton John da Costa Santana. Durante as diligências realizadas para a prisão dos investigados, os policiais civis localizaram em sua residência munições, aproximadamente 250 gramas de maconha, balança de precisão e materiais utilizados para embalar drogas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por segurança, é necessário o uso do serviço reCAPTCHA do Google, que está sujeito à Política de Privacidade e aos Termos do Google. de uso .

I agree to these terms.

VOCÊ PODE GOSTAR