Aparecida de Goiânia, terça-feira, 28 de setembro de 2021
Policia

Polícia civil prende acusado de homicídio

Redação
20 de abril de 2021

Crime aconteceu no final de 2020. Apuração aponta que a motivação tenha sido uma dívida contraída pelo possível autor.

whatsapp image 2021 04 19 at 10.20.21

A Polícia Civil de Goiás efetuou a prisão de um homem, de 30 anos, suspeito de matar Marcos Antônio Alves Coelho, de 46. O caso aconteceu no dia 29 de dezembro de 2020, em Goiânia. Na ocasião, a vítima foi assassinada com diversos disparos de arma de fogo. Segundo a apuração da Delegacia de Investigação de Homicídios (DIH), o crime teria sido motivado por uma dívida de R$ 800,00, contraída pelo possível autor.

De acordo com a delegada Rafaela Azzi, os dois indivíduos eram amigos. Eles teriam se conhecido quando a vítima procurou o suspeito para comprar drogas. “A partir disso, criou-se um falso vinculo de amizade, que suscitou para que o Marcos emprestasse o carro que ele fazia uso. O suspeito se envolveu em um acidente, não quis pagar o conserto nem passar o dinheiro. Marcos passou a cobrar isso e ele, então, resolveu articular o melhor momento para matar o Marcos”, informou.

No dia do assassinato, o homem chamou o amigo para fazer uso de entorpecentes. Os policiais descobriram ainda que a vítima tinha dado carona para o indivíduo, momentos antes do crime, situação que levantou maiores suspeitas. “Ele pediu para levar para um local que ele sabia que passaria por uma estrada, um local ermo, e ali, fazendo uso de um revólver calibre 38, efetuou dois disparos de dentro do carro”, explicou a delegada.whatsapp image 2021 04 19 at 16.41.55 1

Foto: Fábio Lima

O homem possui extensa ficha criminal, com passagens por porte ilegal de arma de fogo, corrupção, roubo, furto, receptação, injúria, difamação, desobediência e desacato. No momento do homicídio ele era ainda monitorado por tornozeleira eletrônica, em função de uma condenação por tráfico de drogas. “Acreditou que, estando tornozelado, conseguiria driblar o sistema e não aparecer o sinal luminoso dele no local do crime”, pontuou.

Após intenso trabalho investigativo, o suspeito foi detido na última sexta-feira (16/04), no Setor Parque Industrial João Braz, na capital e confessou o crime. Na casa dele, foram também apreendidos diversos entorpecentes. Além do cumprimento do mandado de detenção, foi ainda lavrado um Alto de Prisão em Flagrante por tráfico. Ele deverá responder no inquérito policial pelo crime de homicídio. “A investigação conta com provas objetivas, subjetivas e periciais”.

A divulgação de imagem do suspeito é feita mediante despacho fundamentado da Autoridade Policial responsável pela investigação, em atenção à Portaria 02/2020-DGPC.

Fonte: SSP-GO

DENÚNCIA DE IRREGULARIDADES?

envie um email para

[email protected]

2005 - 2021
magnifiercross linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram