Outra unidade do CMEI é inaugurada em Aparecida

1
373

O prefeito Maguito Vilela e o secretário de Educação de Aparecida de Goiânia, Domingos Pereira inauguraram oficialmente, na tarde desta quarta-feira, 21, o Centro Municipal de Educação Infantil Residencial Araguaia, no setor de mesmo nome. Esta é a 20ª unidade construída e inaugurada na atual gestão e a 10ª deste ano. O prefeito enfatizou a importância de se priorizar a educação.

“A educação é o caminho para um futuro mais digno para todos e aqui em Aparecida temos hoje uma estrutura educacional completa, onde as crianças do município iniciam sua formação nos Cmeis, que são o alicerce para o aprendizado, passam por escolas municipais de qualidade e chegam ao ensino superior ou técnico sem precisar deixar a cidade”, pontuou Maguito acompanhado da primeira dama, Flávia Teles.

A unidade disponibiliza vagas para 160 crianças, atendendo a grande demanda da região. A obra foi construída com recursos do Governo Federal e contrapartida do Tesouro Municipal no valor de R$ 1,8 milhão e conta com cinco salas de agrupamentos, bercário, lactário, cozinha, brinquedoteca, ampla área de lazer, teatro de arena e salas para diretoria, secretaria e professores.

“Muito foi feito pela educação em Aparecida. Mas muito ainda precisa ser feito para atender a demanda por vagas. Para isso temos mais três cmeis em construção e outras 21 unidades em licitação. Essas com capacidade para 180 crianças. Temos hoje unidades com estrutura adequada para que as crianças tenham esperança em um futuro melhor e com mais qualidade de vida”, explanou o secretário de Educação, Domingos Pereira.

Para o vereador Gilsão Meu Povo (PMDB), a região, antes deixada de lado pelos governantes, passou a ter asfalto, unidade de saúde e agora um Cmei para melhorar o futuro das crianças. “As crianças são o futuro do nosso país e nós que estamos no presente, precisamos trabalhar para a garantia desse futuro, por isso que a educação é tão importante e quanto mais cedo começar, melhores são as chances de vencer na vida”, disse.

Estrutura – Com as nove que já estavam em funcionamento antes de 2009, serão 29 CMEIs em prédios públicos. Para completar o atendimento à Educação Infantil também existem os 23 Centros de Educação Infantil (CEI) – funcionam sob a forma de parcerias com entidades filantrópicas – totalizando 52 unidades que geram quase 10 mil vagas no Ensino Infantil. Além do ensinamento as crianças recebem cinco alimentações diárias.

Quem está contente com a unidade educacional são os pais Kelsilene Felipe da Silva e Edivaldo Pereira da Silva. O filho deles de três anos está matriculado na unidade e agora a mãe terá oportunidade de procurar um emprego. “Antes não podia trabalhar porque cuidava do meu filho em casa. Agora com o Cmei, que tem essa boa estrutura, posso sair e procurar emprego e ajudar nas contas de casa”, relatou Kelsilene.