O que é BCAA e para que serve?

0
121

Responda rápido: é possível construir uma parede de tijolos sem argila?

É claro que não. Um parede de tijolos é feita de… bem… tijolos! E tijolos são feitos de argila. Portanto, sem argila, sem tijolos e, sem tijolos, nada de parede.

Músculos são necessários até mesmo para quem está querendo perder peso, pois eles ajudam a queimar calorias. E para construir músculos, você precisa da matéria-prima.

Neste artigo, você vai descobrir os BCAAs, matérias-primas fundamentais para manutenção e crescimento muscular.

O que é BCAA?

A sigla BCAA significa branched-chain amino acid, ou aminoácido de cadeia ramificada, em inglês.

Os aminoácidos de cadeia ramificada possuem esse nome por causa da estrutura de suas moléculas, que possuem um átomo de carbono central conectado a três ou mais outros átomos de carbono, estrutura essa que é chamada de ramo.

Existem dois tipos de BCAA: os proteinogênicos e os não-proteinogênicos. Os proteigonênicos são os aminoácidos que podem ser transformados em proteínas.

Os BCAAs proteinogênicos são leucina, isoleucina e valina. Elas fazem parte do grupo dos aminoácidos essenciais, que o corpo humano não é capaz de sintetizar e precisam ser obtidos através da alimentação, e correspondem a 35% dos aminoácidos essenciais presentes nas proteínas dos músculos.

BCAA também é o nome do suplemento alimentar que contém leucina, isoleucina e valina puras e concentradas, misturadas ou não com outras substâncias.

Para que servem os BCAAs?

No corpo humano, os aminoácidos proteinogênicos são a matéria-prima utilizada para produzir proteínas. No caso dos BCAAs, eles são usados para produzir proteínas dos músculos, sendo responsáveis pelo crescimento, manutenção e recuperação muscular.

Quando usados como pré-treino, os BCAAs otimizam a síntese de proteínas, reduzindo o catabolismo dos músculos e otimizando o desempenho durante os treinos.

Como pós-treino, eles aceleram a recuperação dos músculos, evitando dores e acelerando o crescimento muscular.

Como e quando tomar BCAA?

Sob a forma de suplemento, os BCAA’s são vendidos em cápsulas, líquidos ou em pó. O pó deve ser misturado com água, enquanto as cápsulas e os líquidos podem ser ingeridas diretamente.

As vantagens do BCAA em pó são o menor preço e a maior velocidade de absorção. Porém, algumas pessoas podem achar intolerável o sabor dessa mistura. Se esse for o seu caso, você pode preferir tomar BCAA com sabor ou em cápsulas.

Os momentos mais indicados para ingestão de BCAA são no pré e pós-treino. Como os BCAAs são absorvidos muito rapidamente, em cerca de 15 minutos, você pode tomá-los 20 minutos antes de iniciar seu treino e logo depois de terminá-lo.

Alguns atletas que fazem exercícios mais extremos também tomam BCAA na metade do treino para estimular a síntese de proteínas.

Já tomo whey protein. Preciso tomar BCAA?

A whey protein é uma fonte de proteínas que, quando quebradas durante a digestão, liberam aminocácidos, entre eles os BCAAs.

Entretanto, a velocidade de absorção dos BCAAs contidos na whey protein é mais lenta, porque primeiro ela precisa ser digerida. Já os suplementos a base de BCAAs contém esses aminoácidos em estado puro, que podem ser absorvidos diretamente.

Portanto, mesmo que você já faça uso da whey protein, há benefícios em tomar BCAA nos momentos em que a velocidade de absorção faz diferença: antes, durante e após o treino.

Aliás, é interessante que quem toma BCAAs também tome whey protein, porque os fabricantes costumam adicionar em sua composição algumas substâncias como cromo, vitamina B6, vitamina B12 e zinco, que aumentam a capacidade de absorção dos BCAAs.

Quais as diferenças entre os diferentes suplementos a base de BCAA?

Existem diversos fabricantes de BCAA, que produzem suplementos que diferem entre si em vários aspectos. Para escolher qual BCAA comprar, analise as seguintes características:

  • Apresentação: em pó, líquido ou em cápsulas;
  • Proporção: os BCAAs são leucina, isoleucina e valina. A concentração de cada um desses aminoácidos não é a mesma em todos os produtos. Normalmente, a concentração da leucina é maior, porque esse é o aminoácido que tem a maior participação na construção muscular. Alguns BCAAs possuem 4 vezes mais leucina do que isoleucino e valina (4:1:1);
  • Aditivos: existem diversos suplementos que possuem BCAAs misturados com outras substâncias que potencializam seus efeitos. Normalmente tais suplementos são pensados para uma finalidade específica, como por exemplo o Arnold Schwarzenegger Iron Dream da MusclePharm, feito especificamente para ser tomado antes de dormir.