Novos marajás: O Popular descobre que 12 membros do Ministério Público Estadual recebem a bagatela de mais de R$ 100 mil por mês

0
129

O Ministério Público Estadual tem 12 membros que recebem, por mês, mais de R$ 100 mil.

A denúncia está na edição deste domingo de O Popular, em reportagem detalhada assinada pela jornalista Fabiana Pulcineli, que levantou os dados junto ao site do próprio MPE.

A matéria não dá os nomes dos 12 privilegiados – ou, em linguagem popular, os 12 marajás do MP Estadual.

Segundo Fabiana Pulcineli, esses salários milionários são possíveis porque há uma série de artifícios legais orientando a confecção da folha de pagamento dos promotores e procuradores. Dos 386 integrantes da instituição, 179 são beneficiados com vencimentos até cinco vezes acima do teto constitucional, que é de R$ 33.763, ou seja, o salário que é pago aos ministros do Supremo Tribunal Federal.

O Ministério Público Estadual é o órgão constitucionalmente responsável pela fiscalização, em nome da sociedade, dos atos praticados pela administração pública e por terceiros, desde que infrinjam a moralidade e a legalidade.

Ou deveria ser.

Goias24horas