Marta Suplicy entrega carta de demissão ao Palácio do Planalto

Senadora petista assumiu o Ministério da Cultura em setembro de 2012.

mastaA ministra da Cultura, Marta Suplicy, entregou na manhã desta terça-feira (11) carta de demissão ao Palácio do Planalto, informou a assessoria da pasta. Com a decisão, Marta retomará sua cadeira no Senado. Eleita por São Paulo, ela tem mandato até 2018.

A ex-prefeita da capital paulista chefia a pasta da Cultura desde setembro de 2012. A petista substituiu Ana de Hollanda no cargo.

Na última terça-feira (4), o Blog da Cristiana Lôbo havia antecipado que Marta tinha decidido se antecipar à reforma ministerial do segundo mandato da presidente Dilma Rousseff e pedir demissão do Ministério da Cultura. No dia seguinte, entretanto, a ministra admitiu a jornalistas durante evento no Palácio do Planalto que estava “conversando” sobre sua possível saída do ministério.

No meio político, eram frequentes os comentários de que a relação entre Marta e Dilma havia se desgastado ao longo do ano. Conforme publicou o Blog do Camarotti, a ministra da Cultura articulou na Esplanada dos Ministérios o movimento “Volta, Lula”, para defender a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na eleição deste ano.

Suplente
Confirmada a saída do ministério, Marta retornará ao Senado, pois tem mandato até 2018. O atual suplente da senadora, Antônio Carlos Rodrigues (PR), se reuniu há duas semanas com a presidente Dilma e o presidente da legenda, senador Alfredo Nascimento, no Palácio da Alvorada, residência oficial em Brasília. O assunto do encontro, entretanto, não foi divulgado.

G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock Detected

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios