Marcelo Segurado não vê Goiás em crise

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

goiasFazendo uma boa campanha neste ano na Série A do Campeonato Brasileiro, o Goiás soma 15 pontos e ocupa a sétima colocação na ainda embolada tabela da competição. O time, que perdeu para o Coritiba na última rodada antes da paralisação por conta da Copa do Mundo, busca manter a boa fase para tentar somar mais pontos após o recesso. O Diretor de Futebol do Goiás, Marcelo Segurado, aposta no time e diz que derrotas são normais e não devem desmotivar nem desmerecer a equipe quando não acontecem com frequência.

 “A campanha é muito boa. Muitos pensavam que íamos estar nesse momento no Z-4, provamos que temos um time com qualidade. Concordo que no jogo com o Coritiba fomos mal, tivemos algumas falhas no meio de zaga, vi que a bola entrou com certa facilidade. Mas acho que pela situação fomos bem, pois o Coritiba tem um jogador que desequilibra e é uma boa equipe. Tivemos uma derrota, mas por isso não podemos chegar e dizer que está tudo errado.”

Sobre os Reforços, o Diretor de Futebol do time Alviverde diz que é preciso analisar bem a situação antes de contratar e olhar todos os ângulos. Segundo Segurado, é preciso “pé no chão” para contratar e para continuar com a boa campanha no decorrer do campeonato para manter a boa sequência.

“Estamos atentos ao mercado, ao que está dentro das nossas possibilidades. Vamos fazer o possível para trazer quem podemos. Nós temos que ter o pé no chão e sabemos que nosso time é um time de guerreiros, de garotos que estão com um só objetivo e não é por esse jogo temos que pensar que está errado por aqui, vamos trabalhar muito para que a gente possa retornar após a Copa dando sequência com o que estamos fazendo, com jogos de qualidade. Não tivemos o ajuste dos outros jogos mas isso vai acontecer mais cedo ou mais tarde”, ressalta.

Por conta da derrota diante do Coritiba, o Goiás saiu do G-4. Sobre o time ter escapado da zona de classificação para a Taça Libertadores da América, Marcelo Segurado acredita que não foi uma perda grande, já que o time está a um ponto do último no G-4 e que é preciso focar no trabalho para somar mais pontos após o recesso e conquistar melhores colocações.

“Acho que pelo que apresentamos de futebol, poderíamos estar ainda entre os quatro, mas não fico com esse gosto de parecer que não aconteceu e que está ruim. O time tem uma paliação tática, uma doação dos jogadores, acho que a gente poderia ter chegado um pouco mais, mas nosso time tem qualidade de somar pontos.”

730

Denuncias e Informações? Chat via WhatsApp