Jovem morto a tiros é suspeito de chacina na Serra das Areias, em GO

mendanhaO rapaz de 18 anos morto a tiros em uma rua do Setor Garavelo, em Aparecida de Goiânia, foi identificado como sendo um dos suspeitos de participação na chacina da Serra das Areias, em agosto do ano passado. De acordo com o delegado Rogério Bicalho, do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH), ele estava foragido de um centro de internação para menores. No entanto, o delegado não soube precisar a data da fuga.

O jovem foi baleado e morto na Rua 15-C, na noite de sábado (7). De acordo com a Polícia Militar, ele foi abordado por ocupantes de um carro preto, que efetuaram disparos e fugiram.  Ainda segundo a PM, o rapaz foi ferido no tórax e nas duas pernas. Quando os policiais chegaram, ele já estava sem vida.

O caso foi encaminhado para o GIH, que investiga a motivação do crime. Até a manhã desta segunda-feira (7), nenhum suspeito havia sido preso.

Serra das Areias
De acordo com Bicalho, o jovem morto a tiros é apontado como o autor do assassinato da estudante Raissa Souza Ferreira, 15 anos, uma das quatro vítimas da chacina na Serra das Areias. “Na época esse rapaz era menor de idade e, por isso, o nome não chegou a ser divulgado, mas ele participou de todo o crime ao lado de Thaygo Santana, o principal acusado pelo crime”, destacou o delegado.

As outras três vítimas da chacina são os estudantes Neylor Henrique Gomes Carneiro, 18 anos, Denis Pereira dos Santos, 16 e Daniele Gomes da Silva. Eles desapareceram no dia 19 de agosto do ano passado. Denis foi encontrado morto no mesmo dia, no Parque da Serra das Areias. Uma semana depois, a polícia localizou o corpo dos outros três, carbonizados. Todos levaram um tiro na cabeça.

Thaygo teria planejado e comandado a chacina, ocorrida em 26 de agosto de 2013. Além dele, Alison Pereira Costa e Silva, 19, também responde pelos crimes de homicídio triplamente qualificado, destruição de cadáver – ambos por três vezes -, corrupção de menores, por duas vezes, e formação de quadrilha.  Uma adolescente de 16 anos, que era namorada de Thaygo, responde por ato infracional no Juizado da Infância e Juventude, por ser menor de idade. O mesmo acontecia com o rapaz morto agora, que estava foragido de um centro de internação.

Chacina
Segundo o processo, Thaygo planejou a morte de Neylor e, para executá-lo, contou com a ajuda de Alison e de dois menores. No dia da chacina, por volta das 10h30, Thaygo estava acompanhado pelos adolescentes e seguiu até a casa de Raissa, para que ela indicasse onde Neylor morava. Com a jovem estava a amiga Daniele e ambas foram forçadas a entrar no veículo que ele conduzia.

Ao chegarem no local, encontraram Neylor, que foi obrigado, junto com Denis, a seguir para a Serra das Areias. De acordo com o processo, o assassino seguiu no carro com todas as vítimas e seu comparsa, Alison, deu cobertura em outro veículo, no qual andava sozinho. Já na Serra das Areias, Neylor, Raíssa e Daniele foram mortos com tiros na cabeça, enquanto Denis foi assassinado em um local um pouco mais distante.

Após as mortes, e enquanto apenas o corpo de Denis havia sido localizado, Alison e um menor voltaram ao local onde foram mortas as três primeiras vítimas e atearam fogo aos corpos, que ficaram carbonizados e destruídos.

G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock Detected

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios