Jones revela apoio de Ronda: “Algo que nunca vou esquecer”

Jones: Ex-campeão dos meio-pesados, que é amigo e companheiro de treinos de Holly Holm, conta que Rousey ofereceu até casa de praia para ele passar uma temporada

O ex-campeão dos meio-pesados do UFC, Jon Jones, abriu o coração eu uma entrevista ao site “MMA Fighting” e falou sobre os momentos difíceis que passou após se envolver em um acidente de carro, que causou ferimentos a uma mulher grávida, e fugir do local, deixando um cachimbo de maconha no interior do veículo, em abril passado.

Jones também revelou, durante o bate-papo, que um dois apoios mais inesperados durante essa fase de sua vida veio da ex-campeão peso-galo do Ultimate, Ronda Rousey.

– Ronda tem me apoiado muito. Ela me mandou mensagens de texto algumas vezes e me convidou para ficar em sua casa de praia na Califórnia. Ela disse: “Jon, você vai voltar mais forte disso.  Se tiver qualquer coisa que eu possa fazer por você, me avise. Se você quiser sumir por um tempo, eu tenho uma casa aqui que pouca gente sabe onde é e essa casa é sua até você se recuperar”. Ela disse muitas coisas assim. Eu pensei: “Gente, essa garota está no topo do mundo agora e está sentada pensando sobre mim e as minhas horas mais obscuras. Isso é algo que eu nunca vou esquecer – declarou o lutador.

Curiosamente, Jones é companheiro de treinos e amigo de Holly Holm, que tomou o cinturão peso-galo de Ronda no UFC 193 ao nocautear a ex-judoca com um chute na cabeça.

Outro lutador do UFC que ofereceu apoio a Jones foi o campeão interino dos pesos-penas,Conor McGregor, que enviou mensagens de texto ao peso-meio-pesado.

– Conor McGregor me escreveu, “Ei, campeão, uma vez campeão, sempre campeão. Acredito que você vai voltar forte disso”, e mais palavras de encorajamento. Meus companheiros de equipe estiveram comigo, me convidando para ir ao cinema ou jantar, me encorajando a me manter otimista e a seguir adiante. Meus treinadores, minha equipe de negócios, muita gente acredita em mim e sabe que eu me alimento de adversidade. Não sou um cara que me curva num canto e desiste quando as coisas ficam difíceis. Sou um lutador, sou otimista, sou resiliente. Muita gente sentiu que “Jon vai voltar pegando fogo”, e é isso que vou fazer – disse Jones.

CanalCombate

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Adblock Detected

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios