Indústria brasileira registra queda de faturamento e aumento de emprego

0
37
industriaA indústria registrou queda no faturamento e nas horas trabalhadas no primeiro semestre de 2014 na comparação com o mesmo período de 2013. De acordo com indicadores industriais divulgados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o faturamento real do setor caiu 5,7% e as horas trabalhadas na produção tiveram queda de 3% em junho na comparação com maio. Na análise dos dados no primeiro semestre, o faturamento real caiu 1% e as horas trabalhadas na produção tiveram queda de 2,2%, frente a igual período do ano passado.
Este foi o quarto mês consecutivo de retração no emprego e nos salários, confirmando que a baixa atividade começa a ter impacto sobre o mercado de trabalho. “Dentre as explicações para o agravamento do quadro, estão as interrupções de jornada e a queda nas vendas, ambas devido à Copa do Mundo”, analisa a CNI. A entidade pontua que a recuperação da atividade industrial depende da retomanda dos investimentos.
Segundo o levantamento, o nível de utilização da capacidade instalada recuou 0,5 ponto percentual em junho frente a maio, e ficou em 80,1%, na série de dados dessazonalizados. No mesmo período e na mesma base de comparação, o emprego diminuiu 0,5% e a massa salarial real teve queda de 0,8%.
A pior queda foi no indicador de horas trabalhadas na produção: 2,2% nos primeiros seis meses de 2014, na comparação com o primeiro semestre do ano passado. O resultado relaciona-se com as quatro quedas consecutivas do indicador, que se intensificou na passagem de maio para junho ao recuar 3%.
GGN