Governo distribui 4,4 mil equipamentos para aumentar segurança nos presídios

0
68

O Ministério da Justiça anunciou ontem(1º) a aquisição de 4.419 equipamentos de inspeção eletrônica para estabelecimentos prisionais. As máquinas serão distribuídos a todos os estados. Foram adquiridos 121 esteiras de raio X, 564 detectores de metal em versão portal, 2.614 detectores de metal manuais e 1.120 detectores em versão banqueta.

A banqueta substitui a revista íntima, com o revistado sentado em um banco que faz a detecção de objetos, eliminando a necessidade da revista na qual a pessoa tem que tirar toda a roupa. A banqueta de raio X detecta objetos metálicos, como explosivos, aparelhos ou chips de celular, armas brancas e de fogo.

“São equipamentos de alta tecnologia, que visam a dar mais segurança aos presídios, sem permitir que celulares e armas entrem, evitando o constrangimento daqueles que vão visitar os internos e as situações vexatórias para as pessoas”, explicou o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.

Segundo o diretor-geral do Departamento Penitenciário Nacional, Renato Devitto, os estados vão receber as máquinas e ficarão responsáveis pela manutenção e ajuste da rede elétrica, especialmente para os equipamentos de maior porte.

Ele informou que os equipamentos devem atender a 20% da demanda das 1.420 unidades prisionais em todo o país. Serão três lotes, entregues em agosto, outubro e novembro de 2015.