Bem-vindo(a) à Aparecida de Goiânia
Futebol

Goiás vence Guarani e garante acesso à Série A

Marcus Vinicius
23 de novembro de 2021

A noite desta segunda feira, 22, foi de festa Esmeraldina, isso porque o Goiás não apenas venceu o Guarani como garantiu o acesso de volta à elite do futebol brasileiro no mesmo ano em que o time caiu, e ainda com o mesmo treinador, fato pouco comum, já que comandantes técnicos costumam ser dispensados após eliminações ou rebaixamentos.

Após vencer o Bugre por 2 x 0, o time de Glauber Ramos ficou com a terceira vaga para o acesso a Série A e se junta a Botafogo e Coritiba.

O Guarani já não vencia o Goiás há quatro anos, mas jogava dentro do Brinco de Ouro lotado, e vinha embalado na competição, consequentemente era apontado como o favorito para superar o desafio da última segunda-feira, 22, e quebrar o tabu diante do Goiás, mas o Esmeraldino confirmou mais uma vez o seu poderio diante do Bugre. Élvis e Nicolas foram os craques que estabeleceram os gols da vitória dos visitantes diante dos mais de 16.500 torcedores que se fizeram presentes na arquibancada.

Nicolas precisou superar o jejum de gols que enfrentou na reta final da competição, foram 14 jogos sem marcar, mas o craque decidiu romper a seca de gols em um momento crucial para a equipe, algo que foi destacado por ele. “Feliz demais. Um gol tão importante. Um gol grande em uma situação grande. Jogo muito importante para o Goiás. Muitos falaram que eu faria o gol do acesso. Quero mandar um beijo para o meu pai, minha mãe, meu irmão que está aqui, minha namorada. Estou muito feliz mesmo. Eu sonhava com esse momento. Isso é único. Muito feliz e grato ao Goiás.”, comemorou.

Ficha técnica:

Guarani 0x2 Goiás (*)Local: Estádio Brinco de Ouro da Princesa (Campinas). Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ/Fifa). Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ/Fifa) e Michael Correia (RJ). Renda: R$ 408.770,00. Público pagante: 16.584. Expulsão: Nicolas(3/1) (Go) (do banco de reservas depois de ter sido substituído) 38’ do 2º tempo. Cartões amarelos: Mateus Ludke, Régis e Julio César (Gua); Diego(3), Artur(2/4) e Nicolas(4) (Go). Gols: Elvis(3) (falta) 7’ e Nicolas(6) (cabeça) 28’ do 1º tempo.   Guarani: Rafael Martins, Mateus Ludke (Andrigo), Thales, Ronaldo Alves e Bidu; Bruno Silva, Índio (Allan Victor), Régis e Pablo; Lucão e Julio César (Renanzinho). Técnico: Daniel Paulista.  Goiás: Tadeu(37), Diego(32), Deivid(32)/(86), Reynaldo(33) e Artur(18); Caio Vinícius(32), Fellipe Bastos(20), Rezende(21) e Elvis(35) (Luan Dias(27)); Nicolas(27) (Bruno Mezenga(28)) e Dadá Belmonte(35) (Apodi(25)). Técnico: Glauber Ramos(5)/(6).  (*) 7ª vitória fora de casa (2ª consecutiva)  

Obs.: Com este resultado, o Goiás conquista acesso ao Brasileiro da Série A/2022, com 1 rodada de antecedência. A FGF parabeniza toda a coletividade esmeraldina pelo acesso. 

Com informações da FGF e agências

DENÚNCIA DE IRREGULARIDADES?

envie um email para

[email protected]

2005 - 2021
magnifiercross linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram