Gama se prepara receber jogadores de quatro seleções neste Mundial

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

gamaA 40 quilômetros do centro da capital do país, trabalhadores fazem os últimos ajustes para deixar o Estádio Bezerrão apto a receber os atletas das seleções que jogarão no Distrito Federal. O local é um dos escolhidos para acolher delegações durante a Copa do Mundo e deve receber os jogadores de Camarões, da Colômbia, de Portugal e da Suíça. A possibilidade de ver ídolos como Cristiano Ronaldo e, quem sabe, Neymar tocarem bola no gramado fora do Plano Piloto enche de expectativa moradores e comerciantes.

O quintal da casa de Terezinha Maria de Araújo, 84 anos, está todo enfeitado de verde e amarelo. A decoração começou na semana passada e os preparativos continuam até a abertura do Mundial. Ela faz questão de reunir toda a família para assistir a cada partida, uma média de 30 pessoas sentadas na sala da residência. “E este ano quero passar por essa Copa com uma blusa verde, só com detalhes amarelos. Quero estar diferente”, conta. A aposentada está esperançosa de que alguma delegação mostre um pouco das habilidades no gramado do Bezerrão, localizado a poucos metros da casa dela.

E dona Terezinha ainda quer mais. Um dia antes da abertura da Copa, ela completa 85 anos. “O Neymar vai ter que fazer um gol para mim”, cobra. O clima de Copa do Mundo já contagiou os 13 filhos da idosa. A dona de casa Zuleide Silva de Araújo, 47, ajuda com a decoração e tenta convencer os vizinhos a fazerem uma vaquinha para comprar tintas, bandeirinhas, apitos, cornetas e ornamentar toda a rua. “Sempre que falo de Copa do Mundo, me arrepio. O coração acelera. Estamos esperando que a Seleção venha treinar aqui no Gama. Seria ótimo ver Fred, Hulk, Neymar. O hexa é nosso”, diz Zuleide.

Correiobraziliense

Notícia postada em  

  • 4 de junho de 2014
  • Da Redação