Com dois gols de Erik, Goiás fecha Brasileirão com vitória sobre a Chapecoense

0
43

O Verdão terminou o Campeonato Brasileiro de 2014 na 12ª colocação. O time esmeraldino encerrou a campanha com uma vitória por 4 a 2, sobre a Chapecoense, no Serra Dourada. Os gols alviverdes foram marcados por Erik (2), Welinton Júnior e David. Abuda e Bruno Rangel, de pênalti, descontaram para os catarinenses.

O garoto Erik finalizou a temporada como o grande nome do time esmeraldino no Campeonato Brasileiro. Ele foi o artilheiro da equipe na competição com 12 gols.

Primeiro tempo

goiasEra o Goiás quem tomava iniciativa do jogo, mas a Chapecoense foi quem levou perigo primeiro. Aos seis minutos, Wanderson cruzou na cabeça de Bruno Rangel, que sozinho, na entrada da pequena área, cabeceou em cima do goleiro Renan.

O Verdão quando chegou foi letal. David serviu Erik na área. Ele chutou a primeira vez e foi bloqueado, mas na segunda não teve perdão. A bola foi parar no fundo das redes do goleiro Nivaldo.

Dois minutos depois, o Goiás quase ampliou com Felipe Saturnino. Ele arriscou da entrada da área. A bola passou raspando a trave esquerda do goleiro Nivaldo.

A Chapecoense buscava o empate e pressionava o Goiás. Aos 27, Jussandro fez a jogada pela esquerda e cruzou. Camilo ajeitou e Abuda fuzilou o goleiro Renan, que nem viu onde a bola entrou.

Aos 37, o Goiás perdeu um gol incrível. O goleiro Nivaldo saiu jogando errado, a bola caiu nos pés de esquerdinha, que servir Ramón. Ele rolou par Erik, que sozinho tentou tocar no canto esquerdo, mas o zagueiro afastou pela linha de fundo.

Segundo tempo

A Chapecoense começou o segundo tempo em cima do Goiás. Aos seis minutos, o time catarinense quase igualou o marcador. Camilo serviu Bruno Rangel no interior da grande área. O goleiro Renan saiu abafando a conclusão do atacante para evitar o gol de empate.

Welinton Júnior quase ampliou para o Goiás aos nove minutos. Ele recebeu passe na grande área, matou no peito e tentou finalizar na saída do goleiro, mas foi travado pelo zagueiro no momento do chute.

Erik foi derrubado na entrada da área, aos 14 minutos. David cobrou com maestria e marcou o terceiro do Goiás.

Aos 18, Felipe Macedo derrubou Camilo na área. Pênalti para o time catarinense. Bruno Rangel cobrou no centro do gol e diminuiu.

Por muito pouco, a Chapecoense não empatou aos 22 minutos. Após jogada pela direita, Bruno Rangel recebeu só na pequena área, mas foi travado por Felipe Macedo, quando tentou tocar para as redes de Renan.

730