Centro de recuperação de menores infratores será construído em Aparecida

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

O prefeito Gustavo Mendanha e a primeira-dama e secretária de Assistência Social Mayara Mendanha se reuniram na manhã desta terça-feira, 5, com o governador Marconi Perilo para discutir a implantação de um centro de recuperação para menores. No encontro, que contou com a presença da secretária de Projetos e Captação de Recursos, Valéria Pettersen, foi acordado parceria entre prefeitura e governo estadual.

O intuito é construir um centro de internação para menores infratores no município e diminuir a demanda das unidades que atendem Aparecida de Goiânia, como Goiânia e Anápolis. A unidade irá acolher crianças e adolescentes em medidas sócio-educativas. Na reunião, o governador Marconi Perillo autorizou o repasse de R$ 3,5 milhões para a implantação do projeto.

“Aparecida tem um grande trabalho de recuperação com adultos, mas ainda falta um espaço para realizar esse serviço com os adolescentes. Com o apoio do governo estadual, a ideia é acolher esses jovens e atender não só a demanda do município, mas de toda a região metropolitana”, pontuou o prefeito Gustavo Mendanha.

Segundo a primeira-dama e secretária de Assistência Social, Mayara Mendanha, a população tem vivido com um sentimento de impunidade diante das sentenças do Juizado da Infância e da Juventude que não são cumpridas devido a falta de local apropriado para encaminhar menores infratores.

“Precisamos acolher os jovens que estão em conflito com a lei  e oferecer o tratamento devido. Atualmente, contamos dois abrigos de crianças e adolescentes que estão executando esse papel, sendo que essas unidades não têm essa função de reabilitação, o que acaba juntando em um espaço outros adolescentes que não têm o mesmo perfil”, explicou Mayara Mendanha.

A unidade visa a reinserção social, acolhendo os menores em medidas sócio-educativas, com atividades esportivas, oficinas e escolarização. O terreno, localizado no setor Comendador Walmor foi cedido pela Prefeitura de Aparecida e em contra-partida, o governo estadual irá realizar as obras, aproveitando e ampliando o espaço já construído e a compra de mobiliário.

Notícia postada em  

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e nosso Termos de Uso, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.