Brasil dá show, goleia Panamá por 4 a 0 e leva torcida goiana ao delírio

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

brasilNa reta final de preparação para a Copa do Mundo, o Brasil fez seu penúltimo amistoso na passagem por Goiânia. O time comandado pelo técnico Luis Felipe Scolari, o Felipão, bateu o Panamá por 4 x 0 com gols de Neymar, Daniel Alves, Hulk e William. O último confronto da Seleção antes do Mundial será contra a Sérvia, em São Paulo, na próxima sexta-feira (06).

 1°Tempo

O jogo começou nem no clima de Copa do Mundo. A torcida, que compareceu em bom número, estava muito animada na arquibancada e aplaudiam cada jogada dos brasileiros. O primeiro momento de grande euforia da torcida goiana foi o chapeuzinho que Fred aplicou no marcador na intermediária do gramado.  O zagueiro Dante também levantou a galera, ao travar a bola com Machado e demonstrar muita raça.

Mas a primeira chance da partida foi dos panamenhos. Quinteros levantou a bola na área em cobrança de falta, mas David Luiz acompanhou o ataque adversário e não permitiu que Tejada chegasse na bola. Dando o troco, Marcelo levantou na área, Luiz Gustavo recebeu do outro extremo da grande área e bateu por cima do goleiro, mas não acertou o gol. A galera gostou do lance, mesmo não tendo resultado em gol.

Nos 10 primeiros minutos o time do Panamá se mostrou mais solto em campo, com troca rápida de passes e boas jogadas individuais. O Brasil esfriava a partida e não agredia o adversário. Aos sete minutos, Tejada aplicou uma bela caneca em David Luiz. O zagueiro brasileiro não aceitou o drible e fez falta dura, recebendo o cartão amarelo. Aos 17, Neymar tentou passar entre os zagueiros do Panamá e caiu na área, mas o juiz não deu pênalti.

Aos 26 minutos o torcedor goiano pode soltar o grito de gol. Neymar arrancou e sofreu falta na entrada da meia lua. Na cobrança, o camisa 10 bateu colocado e inaugurou o placar no Serra Dourada para o delírio da torcida. 1×0 para o Brasil! Logo no lance seguinte, Neymar avançou pela esquerda, deu uma caneta no zagueiro e cruzou para Fred quase marcar o segundo. Mas o camisa nove não alcançou a bola.

A primeira finalização do Panamá saiu aos 34 minutos, com Quinteros. O meia panamenho recebeu com liberdade na intermediária e arriscou o chute, mas bateu mal e a bola sumiu, nem mesmo assustando Júlio Cesar.  5 minutos depois, o Brasil ampliou o placar com Daniel Alves. O lateral recebeu lançamento de Oscar, tirou a defesa e bateu de fora da área. A bola saiu no cantinho de McFarlane, que viu a bola morrer no fundo do gol.

Os dois deram mais tranquilidade para o Brasil trabalhar. A torcida deixou de pegar no pés dos jogadores brasileiros e passou a apoiar. Aos 44 minutos o clima esquentou em campo. Neymar e Marcelo discutiram com os zagueiros adversários e o lance acabou resultando em cartão amarelo para Marcelo e Cooper. Após a cobrança, que foi para fora, o juiz encerrou o primeiro tempo.

2°Tempo

O Brasil voltou para o segundo tempo com três substituições e de maneira arrasadora. Saíram: Daniel Alves, Marcelo e Ramires para as entradas de Maicon, Maxwell e Hernanes. Antes mesmo de completar um minuto de partida, Neymar passou de calcanhar para Hulk e deixou o camisa sete sozinho na grande área, só para concluir e fazer o terceiro gol do Brasil. Minutos depois, Neymar cruzou e Fred sozinho na pequena área mandou para fora.

A partir dos 15 minutos muitas mexidas foram feitas em ambas as equipes. Felipão, que já tinha promovido três alterações, tirou de campo o centroavante Fred e colocou Jô, outro atacante. Saiu também Oscar e entrou em campo William e David Luiz, muito aplaudido, deu lugar a Henrique. Renovado em campo, a Seleção Brasileira continuava pressionando em busca do quarto gol.

Com o placar nas mãos, os jogadores do Brasil trabalhavam para administrar o jogo e achar boas chances. Em uma das, Neymar enfiou para Maxwell, que desceu em velocidade pela esquerda, tirou do goleiro e rolou para o meio da área. William entrou para conferir e marcou o quarto gol do Brasil na partida. 4×0 no amistoso e pulga atrás da orelha de Felipão, que deve ter ficado ainda mais na dúvida se coloca Oscar ou William na formação titular.

Aos 36 minutos o árbitro da partida causou uma grande confusão na partida. Em bate-rebate na área, o árbitro deu pênalti para o Brasil e expulsou o goleiro panamenho. Logo em seguida, consulta o assistente e volta atrás nas duas decisões para marcar impedimento do ataque brasileiro. O time continuou pressionando mesmo goleando, mas o placar ficou mesmo no 4 a 0 em Goiânia.

FICHA TÉCNICA

BRASIL 4 X 0 PANAMÁ

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 03/06/2014
Horário: 16h
Árbitro: Raúl Orosco – BOL
Assistente 1: Efraín Castro – BOL
Assistente 2: Javier Bustillos – BOL

Gols: Neymar 26’ 1T (1-0), Daniel Alves 40’ 1T (2-0), Hulk 1’ 2T (3-0) e William 28’ 2T (4-0)
Cartões Amarelos: David Luiz, Marcelo (Brasil); Luis Tejada e Cooper (Panamá)

BRASIL: Júlio Cesar; Daniel Alves (Maicon), David Luiz, Dante e Marcelo (Maxwell); Luiz Gustavo, Ramires (Hernanes) e Oscar (William); Hulk, Neymar, Fred (Jô)
Técnico: Luis Felipe Scolari

PANAMÁ: McFarlane (Calderon); Carrol, Torres, Baloy e Machado; Cooper (Jimenez), Gómez, Henriquez e Quinteros (Torres); Muñoz e Luis Tejada (Roberto Nurse)
Técnico: Hernán Dário Gómez

730

Notícia postada em  

  • 5 de junho de 2014
  • Da Redação