Aparecida de Goiânia, quarta-feira, 22 de setembro de 2021
Olimpíadas

Atletismo brasileiro tem novas provas nesta sexta-feira

Redação
6 de agosto de 2021

Felipe dos Santos ficou na 18ª colocação no decatlo; marcha atlética feminina larga nesta sexta-feira em Saporo

A prova mais completa do atletismo encerrou a participação brasileira na modalidade no Estádio Olímpico de Tóquio. Nesta quinta-feira, 5, o decatleta Felipe dos Santos representou o país nos Jogos Olímpicos de Tóquio, finalizando sua participação na 18ª colocação, com 7.880 pontos. A medalha de ouro ficou com Damian Warner, do Canadá, a prata, com Kevin Mayer, da França, e o bronze, com Ashley Moloney, da Austrália. 

O último dia de provas do decatlo teve as disputas dos 110m com barreiras, lançamento do disco, salto com vara, lançamento do dardo e 1.500m.

“Eu esperava mais, mas não me dou bem com tanto calor. Cheguei a passar mal durante a prova, mas isso não é desculpa. Foi um dos obstáculos no meio do caminho. Me preparei bem, tentei chegar aqui em ótima forma, fiz um resultado, mas não era o que eu esperava. Consegui terminar o decatlo e isso é muito importante”, avaliou o último brasileiro a competir na pista do Estádio Olímpico de Tóquio. 

“É o sonho de todo atleta representar o Brasil nos Jogos Olímpicos, ter esse título no currículo, e comigo isso não é diferente. Eu estou muito feliz de participar de uma competição desta magnitude e fechar o dia dentro da pista como o único atleta brasileiro é muito gratificante”, destacou Felipe.

+ Darlan fica em quarto no arremesso de peso


O atletismo brasileiro volta seus olhos agora para a cidade de Sapporo, a 800km de Tóquio, onde acontecem as disputas da marcha atlética e da maratona, em função do clima mais ameno comparado ao da capital japonesa. 

Nesta quinta foi disputada a prova de 20km da marcha atlética, com a participação de três brasileiros. Caio Bonfim ficou na 13ª colocação, enquanto Matheus Correa terminou em 46º. O paraense Lucas Mazzo não concluiu a prova.

O Sapporo Odori Park também receberá nesta sexta, a partir das 16h30 do Japão) (4h30 do Brasil), a prova feminina dos 20km. A única representante do Brasil será a pernambucana Érica Sena. Experiente, a atleta foi sétima colocada nos 20km nos Jogos Rio 2016 e terminou em quarto lugar nos Mundiais de Londres 2017 e de Doha 2019. Em Londres, ela alcançou o seu melhor resultado, com 1h26min59s, recorde brasileiro.

Na maratona, o Brasil terá representantes apenas na prova masculina: Daniel Ferreira do Nascimento, Paulo Roberto de Almeida Paula e Daniel Chaves da Silva. A prova dos 42,195 km está marcada para as 7h de domingo, 8, no horário do Japão (19h de sábado em Brasília).

Com informações do COB

DENÚNCIA DE IRREGULARIDADES?

envie um email para

[email protected]

2005 - 2021
magnifiercross linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram