Aparecida promove campanha de prevenção às DSTs na véspera do carnaval

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

A Secretaria Municipal de Saúde por meio da Superintendência de Vigilância em Saúde e Programa de DST/AIDS e Hepatites Virais, realiza na véspera de Carnaval a Campanha de Prevenção às Doenças Sexualmente Transmissíveis, Aids e Hepatites Virais na semana que antecede o carnaval 2017. O tema da Campanha este ano será “Se o seu Carnaval “deu onda”, use camisinha”, tendo como foco a população jovem e adulta.

No dia 23 de fevereiro, quinta-feira, a ação será no Posto Jardins na Avenida Rio Verde, das 8h30 às 16h30, com a realização de testes rápidos para HIV, Sífilis e Hepatites B e C. Além de orientações sobre formas de prevenção, entrega de materiais educativos, preservativos masculinos, femininos e gel lubrificante.

Na sexta-feira (24), ação será no Posto Ipiranga da BR-153, com blitz educativa, entrega de kits (folders, preservativos masculino, feminino e gel lubrificante) e também realização de testes rápidos para HIV, Sífilis e Hepatites B e C. Ação começa às 8h30 e se estenderá até às 16h30. Durante essa semana estão sendo encaminhados às Unidades de Saúde e Equipes de Saúde da Família materiais educativos e preservativos para a realização de ações pontuais em parceria com a comunidade local.

“O incentivo ao uso do preservativo e ao diagnóstico e tratamento precoces são estratégias que influenciam diretamente na redução de mortalidade por DST/AIDS e Hepatites”, destaca a Coordenadora de Epidemiologia, Luzia Oliveira. Segundo dados da SMS, no ano de 2016, foram notificados 158 casos novos de HIV, 42 de AIDS, 280 casos novos de Hepatites B e C e 329 casos de Sífilis em Aparecida de Goiânia.

A estratégia utilizada na Campanha de Carnaval e que deverá se estender por todo ano, segundo o SMS, será a “Prevenção Combinada”, incentivando o uso do preservativo e o diagnóstico e tratamento precoces. “É de grande importância que a população saiba as formas de prevenção das doenças sexualmente transmissíveis e hepatites e participem da Campanha, realizando os testes, e ainda se informe dos locais que disponibilizam os testes durante todo o ano”, acrescentou Luzia Oliveira.

Para a execução da Campanha de Carnaval serão distribuídos 8 mil folders educativos, serão entregues 50.400 unidades de preservativo masculino, 20 mil unidades de gel lubrificante e 5 mil preservativos feminino.

Notícia postada em  

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e nosso Termos de Uso, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.