Alessandro Rodrigo bate recorde em lançamento de disco em Dubai

Share on facebook
Share on twitter
Share on google
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

Este é o décimo ouro do Brasil, vice-líder no quadro de medalhas

A quarta-feira (13) começou dourada para o Brasil no Mundial de Atletismo Paralímpico, em Dubai (Emirados Árabes). O paulista Alessandro Rodrigo, atual campeão paralímpico, quebrou o recorde mundial do lançamento de disco classe F11 (deficiências visuais) ao alcançar a marca de 46,1m. Além de faturar a medalha de ouro, o brasileiro assegurou o bicampeonato na modalidade. Este foi a décimo ouro do Brasil no Mundial. O país está na vice-liderança no quadro geral de medalhas, atrás apenas da China.

Desde o início da prova, o brasileiro buscou recuperar o recorde mundial, quebrado no ano passado pelo cubano naturalizado italiano Oney Tapia. Na prova desta madrugada, Tapia chegou a liderar a primeira rodada, mas no segundo lançamento Alessandro Rodrigo estabeleceu o novo recorde mundial com um incrível arremesso que chegou a 46,1m. Esta foi a segunda medalha dele no Mundial: na quinta (7), primeiro dia de competição, o paulista ficou com o bronze no arremesso de peso da classe F11 (deficiências visuais).

O dia de hoje (13) ainda reserva mais chances de medalhas para o Brasil. Logo mais, às 11h36 (horário de Brasília),  o mato-grossense Lucas Prado e o carioca Felipe Gomes disputam a final dos 100m T11 (deficiências visuais). Na sequência, às 11h54, três brasileiras competem na final dos 200m T11 (deficiências visuais): Jerusa Geber, Thalita Simplício e Lorena Spoladore. 

Notícia postada em  

  • 13 de novembro de 2019
  • Da Redação