Assistência Social realiza evento em prol dos idosos

0
70

Assistência Social realiza Primeira Feira de Artesanato dos Idosos

Um espaço repleto de trabalhos artesanais das mais diversas formas, modelos e cores. Essa foi a visão de quem visitou a Primeira Feira de Artesanato dos Idosos, realizada no Centro de Referencia do setor Brasicon.

Cerca de 100 pessoas da melhor idade, atendidas pelos Centros de Referencia do município. Expuseram e venderam diversos produtos artesanais, confeccionados nas oficinas de artesanatos oferecidas na unidade.

“Essa primeira feira é uma ação importantíssima para os Idosos, pois aqui eles têm a oportunidade de mostrar os seus trabalhos. O Centro de Referência é um espaço onde transforma a vida dessas pessoas. Muitos Idosos com depressão e solitários encontram aqui uma terapia com os cursos e companhias”. Explicou Ângela Rita, vice-presidente do Conselho Municipal do Idoso.

Produtos

Quem visitou o local se encantou com os trabalhos manuais feitos pelos idosos. Tapetes, crochês, pinturas e objetos de decoração foram alguns dos produtos comercializados na feira. Com valores entre R$4 e R$40 a primeira Feira de Artesanato dos Idosos agradou a todos.

“Os trabalhos aqui são muito bem feitos, muito bonitos. Fiquei encantada com tantas coisas diferentes que encontrei aqui”, comentou a dona de casa Francisca Andrade.

Parte do valor arrecadado com a venda dos artesanatos, será revertida na compra de novos materiais para a confecção de novos produtos.

“Os cursos funcionam como uma terapia. Muitas pessoas que ficariam com o tempo ocioso em casa, têm a oportunidade de desenvolver um aprendizado, contribuindo diretamente para a saúde e qualidade de vida”, ressaltou Maria Eliza Jorge, artesã.

Quem visitou a feira também recebeu diversos serviços gratuitos de beleza, com cortes de cabelo e design de sobrancelhas.

Cerca de 4 mil idosos estão no Cadastro Único e recebem os benefícios ofertados pela secretaria de Assistência Social. São oferecidas diversas ações como os atendimentos e acompanhamentos psicossociais e jurídicos, alfabetização, prática esportiva como hidroginástica e ginástica, oficinas como o bordado, tear, pintura, coral e teatro. Além da interação e convívio social com os famosos bailes da terceira idade.